sábado, 2 de outubro de 2010

"Eu juro, te juro amor eterno..."


Gostaria de ter mais tempo pra passar por aqui e poder escrever tudo o que sinto... Mas esses aprendizados de cada dia, às vezes não me deixam!

Teria tanta coisa pra contar... Tanta mudança em minha vida...

Realmente, eu sabia que tudo iria mudar... É, e tudo muda muito!

Nada depois da Valentina permaneceu igual...

Sentimentos, medos, expectativas, planos e sonhos... Tudo tão diferente, tudo com mais sentido...

A descoberta dia 25 de janeiro até o último dia, 08 de setembro de 2010. Nada nesses meses foi fácil, hoje entendo que as coisas que vivi, que senti e que chorei eram pra me fazer mais forte, e me preparar pra tudo o que virá pela frente.

Acho que nunca falei aqui, mas quem me acompanhou deve ter percebido... Recolhi dentro de mim sentimentos, fingi que eles não existiam por que jamais quis que isso viesse a interferir no amor pela minha filha, que crescia dentro de mim.

E acho que consegui muito bem, separar as coisas.

Sabia que isso só iria me abandonar, o dia que eu tivesse Valentina nos meus braços, e realmente, está passando.

É tanta novidade, tanta coisa pra aprender... Não posso me prender a alguns detalhes e algumas pessoas que nada vão acrescentar, e também não da mais pra sonhar com as mesmas coisas... A vida agora tem novos objetivos, novos caminhos. E eu preciso ser alguém melhor, já que tenho uma grande responsabilidade pela frente.

Nossa... Se eu conseguisse achar todas as palavras certas, pra dizer o quanto sou feliz por ter minha filha aqui comigo, pra dizer o quanto eu amo ela e como vou fazer tudo o que eu puder e lutar pelo que eu não puder pra ela ser uma menina muito feliz.

Nestes 24 dias, ela é o meu abrir de olhos...

Não dá tempo de fazer nada... Mas nada vale mais a pena do que estar com ela bem pertinho de mim... Quando arregala os olhos e fica prestando a atenção no que eu falo, quando faz manha enquanto converso com ela...

Até o chorinho é tão gostoso de ouvir... E o sorriso... ah, o sorriso mesmo que ainda involuntário é a melhor coisa deste mundo!!

A cada dia que passo aprendemos mais e vamos nos conhecendo melhor... Já consigo entender alguns choros e também suas manhas... A cada dia que passa ela me faz muito mais feliz e não consigo mais me imaginar um dia longe dela!


"E o teu olhar me diz tantas coisas
Tantas coisas loucas que quando chega perto
A minha alma não me deixa mentir
Esse teu olhar é pouco pra mim
É um ponto sem fim
Esse teu olhar, numa boa, é um "tu" dentro de mim..."

8 comentários:

  1. Lindo Manu, estava com saudade de "te ler"! E amanhã vou aí agarrar mais um pouquinho a Valentina! haha
    Que ela te traga sempre mais felicidade!
    Um beijo grande!

    ResponderExcluir
  2. Porque a Valentina nao mora aqui perto??rs. Eu ia dar tanto cheiro nela!

    E a mamãe escrevendo com amor.

    Lindas vocês!
    Fiquem com Deus!

    ResponderExcluir
  3. Eiii Manuela, a Valentinha tá tomando todo seu tempo?rs. Não veio mais contar as novidades desse mundo materno!

    Não demora a vir mostrar a Valentina e babar, como sempre, através das suas palavras.rs.

    Beeijo

    ResponderExcluir
  4. oi, amei seu blog e vou voltar sempre! aproveito a visita para te convidar a UMA SUPER PROMOÇÃO NO ESPAÇO SENHORITA:
    sempresenhorita.blogspot.com
    Não perca!
    bjos.

    ResponderExcluir
  5. Sua Valentina é LINDA demais.
    Um charme!!! Eu descobri essa semana que estou grávida. Estou com saudades de vcs, dê noticias :)

    ResponderExcluir
  6. tão linda a sua neném, muitas felicidades pra vocês *-*

    ResponderExcluir
  7. Oi Manu, estou com saudades de ler as novidades do seu dia a dia com a Valentina, vê se volta logo...

    Bjuxxxx Carla e Rafinha

    ResponderExcluir
  8. Que lindo essa história de amor Manuela,parabéns.Amor de Mãe para Filha é o mais puro que há na terra.Valentina realmente é um anjo em tua vida ,e encanta a todos teus amigos com esse sorriso,fofinha e queridinha igual a Mãe dela hehehe.Que Deus abençoe cada vez mais a vida e esse amor de vcs.

    ResponderExcluir